Algumas décadas atrás, as empresas não precisavam de indicadores de desempenho para avaliar o balanço. Porém, hoje em dia não funciona mais assim.

São tantos dados e informações que a empresa precisa avaliar que são necessários diferentes tipos de indicadores.

Mas, afinal, o que são eles e quais são os tipos de indicadores de desempenho que existem?

O que são indicadores de desempenho?

Os indicadores de desempenho nada mais são do que métricas criadas por uma empresa. O objetivo delas é avaliar o desempenho como um todo. Porém, elas podem ser utilizadas para funções bem específicas.

Elas podem, por exemplo, avaliar o desempenho de uma única atividade ou segmento. Contudo, também podem integrar todos os segmentos da empresa a fim de melhorar o desempenho. Elas podem ser usadas também com a finalidade de encontrar falhar internas e corrigi-las.

Através do uso de indicadores de desempenho, uma empresa fica apta a tomar decisões corretas. Consequentemente, decisões podem ser tomadas mais rapidamente, economizando tempo e dinheiro.

Mas os indicadores não devem ser utilizados à toa. O ideal é que uma empresa meça os desempenhos que realmente levarão a empresa ao crescimento.

Eles devem, em princípio, apontar se uma empresa está ou não tomando as decisões corretas. Isso, claro, com o objetivo de crescer e atingir todos os objetivos estabelecidos.

Quais são os tipos de indicadores que existem?

Existem basicamente dois tipos de indicadores de desempenho. Eles se dividem em indicadores de estratégia e de processo.

Os indicadores de processo têm um objetivo claro: avaliar o desempenho de atividades corporativas e a qualidade da gestão empresarial.

Os dados são captados a partir de números gerados pela empresa. Desse modo, fica fácil adaptar qualquer processo ou atividade que precise ser adaptado.

Já os indicadores de estratégia possuem outro objetivo. A ideia é analisar todos os objetivos estabelecidos pela empresa. Então, eles são medidos e verificados para ter certeza de que estão indo pelo lado certo.

Atenção redobrada

Contudo, antes de utilizar os diferentes tipos de indicadores, é preciso redobrar a atenção. Uma empresa deve estabelecer antes quais são os indicadores que realmente influenciarão nas decisões posteriores.

Talvez para determinada empresa não seja necessário medir o volume de estoque. Por algum motivo muito específico isso pode acontecer. Nesse caso, não faz sentido criar um indicador de desempenho para o estoque.

Ou seja, o indicador em si não é um objetivo traçado pela empresa. Ele deve simplesmente ser utilizado a fim de medir os objetivos estabelecidos.

Porém, há outro problema. Mesmo que haja um empecilho para uma meta ser atingida, não basta criar um indicador de desempenho. Ele precisa ser inteligente!

A empresa precisa melhorar o desempenho dos funcionários. A solução então é aumentar a carga de treinamento. Ou então, a empresa precisa economizar energia elétrica. Então, que 15% de energia seja economizada.

O problema é que aumentar a carga de treinamento pode não significar nada. Diminuir 15% da energia pode ser prejudicial para algumas empresas. Para outras, pode não mudar em nada em termos financeiros.

O problema deve ser resolvido na causa, e não nos sintomas. Tratar os sintomas não significa necessariamente que a empresa progredirá naquele aspecto. Por isso a importância em se usar indicadores de desempenho. Através deles é possível descobrir a melhor solução para o corte de gastos com a energia, ou com a melhoria da qualidade da mão de obra, por exemplo.

Como criar indicadores de desempenho que funcionem?

Criar indicadores de desempenho que realmente funcionem de forma eficaz demanda algumas observações.

O primeiro passo é entender do que os clientes ou funcionários precisam. Quanto mais rápido a empresa tomar as decisões, melhor. Mais tempo e dinheiro poderão ser economizados.

O segundo passo é registrar todos os dispêndios que uma empresa pode ter. Não estamos falando apenas em termos financeiros, e sim logísticos.

É importante, por exemplo, verificar o índice de satisfação dos clientes, bem como a logística que pode apresentar falhas.

É igualmente importante verificar a qualidade de trabalho dos funcionários. Pode ser necessário implantar mais horas de treinamento. Ou então, até mesmo aumentar alguns pré requisitos no momento da contratação.

Lembre-se: um cliente só reclamou de um serviço porque houve falha interna na comunicação. Uma empresa deve, neste momento, entrar em contato com o setor responsável. É ele que vai criar soluções e implantar no lugar das antigas.

Como deixar todo o processo mais simplificado?

Criar indicadores de desempenho pode não ser muito fácil. Na verdade, uma gestão empresarial perfeita não existe. Sempre ocorrerão falhas na comunicação interna. A questão é como a empresa vai integrar o sistema de modo a minimizar a possibilidade de ocorrerem novas falhas.

Através de softwares de gestão empresarial, é possível fazer isso. Eles reúnem uma grande quantidade de dados que podem facilitar a tomada de decisões. Todos os dados reunidos tornam o processo muito mais eficaz.

Soluções novas e mais eficientes podem ser criadas através de uma análise minuciosa dos dados. Desse modo, fica mais fácil criar uma gestão baseada em estratégia.

É interessante fazer mais de uma análise para determinado indicador. Vamos supor, por exemplo, que uma empresa tenha criado dois indicadores para avaliar o desempenho de um mesmo segmento, ou atividade.

Ao analisar os resultados, a empresa pode utilizar outros dois indicadores parecidos. Se os resultados divergirem, é porque a empresa precisará manter um foco maior.

Isso vai fazer com que no longo prazo a empresa seja mais assertiva quanto a tomada de decisões. Dados e informações realmente importantes serão armazenadas no banco de dados. E quanto mais tempo a empresa economizar, melhor para ela.

O que você achou sobre os indicadores de desempenho? Se você gostou, deixe o seu comentário abaixo e não deixe e assinar nossa Newsletter para se manter informado com nossas atualizações!

Fontes:

http://www.novonegocio.com.br/lideranca-e-gestao/indicadores-desempenho/

http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/como-criar-indicadores-inteligentes,ae4babdb5ebae410VgnVCM1000003b74010aRCRD

https://pluga.co/blog/empreendedorismo/indicadores-de-desempenho-de-uma-empresa/

Artigos que você pode se interessar