Ter um negócio próprio é o sonho de grande parte dos brasileiros. Contudo, muitos ainda acreditam que colocar esse projeto em prática e saber como abrir uma empresa do jeito certo é uma tarefa extremamente complexa e que exige altos investimentos.

Até alguns anos atrás isso era realmente verdade. Apenas pessoas que tinham uma boa reserva financeira, ou que realizavam empréstimos (na maioria das vezes nada vantajosos) conseguiam abrir uma empresa.

Mas agora a realidade é outra. Dependendo do regime tributário e do porte do empreendimento que você deseja abrir, é possível fazer isso em questões de minutos e sem sair de casa.

Nesse artigo vamos lhe ensinar como abrir uma empresa passo a passo e mostrar os cuidados que precisam ser tomados para que esse novo desafio em sua vida não acabe se tornando um grande pesadelo.

Confira!!!

Como abrir uma empresa: Saiba quais os custos envolvidos

Uma das maiores dúvidas em relação a como abrir um negócio é em relação aos custos. Segundo um levantamento da Firjan, o valor médio para abrir uma empresa legalmente é de R$ 2.038.

Contudo, a pesquisa mostra também que essa média pode variar até 274%, dependendo da região onde ela será aberta. No entanto, na hora de montar um negócio, é preciso levar em conta uma série de despesas indiretas que podem surgir, tais como:

  • Contratação de um contador;
  • Aluguel;
  • Reformas no ponto comercial;
  • Aquisição de equipamentos, computadores, infra estrutura;
  • Sistema de Gestão Empresarial;
  • Compra de matéria prima ou produtos;
  • Consertos de equipamentos, dentre outros.

Inclusive, antes de começar a pensar em como criar uma empresa, você já precisa ter um local de atuação comercial estabelecido. Isso porque, na grande maioria das cidades existem atividades que não podem ser exercidas em determinados zoneamentos. Por exemplo, casas de shows, geralmente são proibidas em áreas residenciais.

 rapaz feliz em saber dicas sobre como montar sua empresa

Documentos necessários para abrir uma empresa

Outra dúvida bastante comum é em relação aos documentos para abrir uma empresa. Isso irá depender do porte e regime que o seu empreendimento irá se enquadrar, mas geralmente os documentos exigidos são esses:

1. Contrato social

Não há como abrir uma empresa sem ter um contrato social. É nele que constará as atividades exercidas pelo empreendimento, conhecido como CNAE  – Classificação Nacional de Atividades Econômicas, modelo tributário, participação de sócios e etc.

É importante sempre verificar se o nome e objeto social estão disponíveis para registro, para que não haja qualquer tipo de problema.

2. Registro na junta comercial

Também não há como montar uma empresa sem o registro na junta comercial da sua cidade. É com esse documento que o seu negócio passará a existir oficialmente.

Importante ressaltar que ele não te dá autorização para começar a funcionar. Mas é um passo essencial antes do processo de como abrir cnpj, pois ele permite a verificação de uma série de informações importantes que lhe ajudarão a evitar dores de cabeça no futuro.

3. Alvarás

Muitas pessoas se perguntam o que precisa para abrir uma empresa. E dentre os documentos que necessitam levantar, boa parte delas acaba se esquecendo dos alvarás. Contudo, isso é um erro, já que é apenas com eles que você poderá atuar, principalmente se tiver um ponto comercial.

Para obtê-lo, você precisa ir até a prefeitura da sua cidade e verificar quais exigências são necessárias atender para promover a abertura do lseu negócio no local. Comprovando que o seu ponto comercial tem condições de cumprir com todas elas, você conseguirá os alvarás e dará mais um passo no processo de como abrir uma empresa.

4. Inscrição Estadual

A Inscrição Estadual é obrigatória para uma série de empresas. Não há como abrir uma microempresa do setor de comércio, por exemplo, sem esse documento. A inscrição estadual é o número de cadastro de uma empresa junto à Receita Estadual ou Secretaria de Estado da Fazenda para o recolhimento do ICMS – Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços. O

Geralmente ela pode ser feita pela internet. Isso porque, muitas cidades possuem convênios com a Receita Federal, justamente para facilitar todo o processo na hora de abrir um negócio.

A Inscrição estadual é o código que identifica se uma empresa esta totalmente regularizada para comercializar produtos dentro do Brasil.

5. Inscrição Municipal

A Inscrição Municipal é um cadastramento obrigatória para todas as empresas prestadoras de serviços ou que tenham qualquer atividade que configure a hipótese de incidência de tributação municipal.

Este cadastro deverá ser feito junto às prefeituras dos municípios em território nacional e geralmente é algo bem simples de se conseguir. Mas é claro que pode varias de município para município.

Portanto, a inscrição municipal permite que as empresas se tornem legal junto à prefeitura para emitir notas fiscais e pagar seus impostos sobre os Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN).

6. Licenças

Também não há como abrir microempresa, ou empreendimentos de outros portes, sem as licenças exigidas na sua cidade. Elas variam conforme o ramo de atividade do seu empreendimento.

Para se ter uma ideia, algumas atividades em específico precisam até mesmo de autorização das Forças Armadas. Entre as mais comuns estão: licença ambiental, licença sanitária e vistoria de cumprimento de normas de segurança.

O ideal é que você vá até a prefeitura da sua cidade e verifique o que é preciso para abrir uma empresa, em relação à licenças e escrituras.

Dicas de como abrir uma empresa

Muitas pessoas se perguntam coisas do tipo “Como faço para abrir uma empresa”, acreditando que só é necessário ter o dinheiro para investir. Mas, é preciso tomar alguns cuidados. Isso porque, existem muitas modalidades de negócio no Brasil que podem acabar confundindo os empreendedores.

Para lhe ajudar a sanar essa dúvida, separamos algumas dicas. Confira!!!

1. Faça um estudo de mercado

Muitos empreendedores que querem saber logo como montar um negócio, acabam se esquecendo ou mesmo passando por cima de detalhes importantes, como verificar a viabilidade da ideia. Isso é um erro, pois esse descuido é responsável, na maioria das vezes, pelo fechamento de muitos empreendimentos ainda nos primeiros anos de vida.

Tenha em mente que não há como abrir uma empresa sem antes estudar o mercado. Você precisa conhecer tudo, desde o que a concorrência oferece, até as necessidades dos clientes, e o que o seu empreendimento terá que oferecer de diferente para ter sucesso.

2. Veja se a sua ideia se enquadra no Simples Nacional

Uma das maiores dificuldades no processo de como fazer abertura de empresa é em relação ao regime tributário. Muitos empreendedores começam ganhando pouco, mas precisam pagar altos impostos, por terem se enquadrado errado no no modelo de negócio.

Por isso, antes de abrir o seu negócio, verifique se ele se enquadra no Simples Nacional. Essa modalidade oferece um regime de tributação simplificado, que é perfeito para micro e pequenas empresas que esperam ter um faturamento de até R$ 400 mil por mês.

3. Saiba exatamente quais serão os custos

Antes de colocar o seu negócio para funcionar, faça um levantamento de todas as despesas. Lembre-se que nos primeiros meses, e até anos, o seu empreendimento deverá ter um capital maior, até realmente começar a lucrar, pois é justamente o chamado capital de giro que permitirá ao seu empreendimento superar desafios e entraves nessa fase inicial do seu negócio.

4. Conte com as ferramentas certas

Por fim, para ter sucesso com o seu negócio próprio, você precisa investir em ferramentas que te ajudem a controlar toda a questão administrativa. As finanças do empreendimento precisam estar completamente separadas das suas, até mesmo para não gerar problemas. Nesse caso, um software de gestão com certeza é uma solução que deve buscar para ter um suporte adequado nessa fase inicial do seu projeto.

Viu como abrir uma empresa não é uma tarefa impossível? Basta se informar e tomar alguns cuidados!!

Esperamos que esse artigo tenha te ajudado. Aproveite e deixe o seu comentário.